Testemunho – Rainuênio C – recuperando da APAC de Inhapim/MG

“Quando eu cheguei à APAC fui bem recebido. Aquela pessoa que era tratada como monstro dentro do sistema comum, que tinha que dormir no chão no meio de 30 e poucas pessoas, que ficava dentro da cela, nem via o sol, chegou dentro da APAC e pôde receber um abraço, não só da mãe, esposa e filhos, mas pôde também receber um abraço de cada funcionário, que abraça essa causa. Tinha o sonho de me casar e a APAC me ajudou a ter um casamento digno. A APAC não muda ninguém, mas vai te dar a ferramenta para você mudar. Sou grato a Deus por continuar cumprindo a minha pena na APAC. Tenho certeza que vou sair de cabeça erguida, dando sequência à minha vida e cuidando da minha família.”

Deixe um comentário