FBAC homenageia Des. Nelson Missias

No dia 25 de março, a Fraternidade Brasileira de Assistência aos Condenados (FBAC), homenageou o Des. Nelson Missias de Moraes, com a Comenda "Ordem do Mérito Penitenciário", outorgada pela FBAC, em reconhecimento pelos relevantes serviços prestados à causa da recuperação do preso e contribuição ao processo de expansão e consolidação do Método APAC.

"Esta foi uma justa homenagem, pois Des. Nelson Missias não tem medido esforços para contribuir na edificação das APACs no Estado de Minas Gerais. Nos últimos anos contribuiu decisivamente para a ampliação das APACs, destinando recursos de Penas Pecuniárias, seja para a construção de novos Centros de Reintegração Social, seja para reforma daqueles que já estão em funcionamento, ou para aquisição de maquinários para as Unidades Produtivas. Queremos expressar a Des. Nelson Missias nossa profunda gratidão e eterna amizade."

A Comenda foi entregue, durante a inauguração da extensão do CRS da APAC de Patos de Minas, por Valdeci Ferreira, Diretor Geral da FBAC e Dr. Luiz Carlos Rezende e Santos, Jjuiz auxiliar da Presidência do TJMG, Coordenador do Programa Novos Rumos e Presidente do Conselho de Administração da FBAC.  

Des. Nelson Missias disse que se sentia honrado em receber a Comenda. "Eu participo desta metodologia APAC há mais de 20 anos. Ela é importante porque podemos devolver para a sociedade, as pessoas que dela saíram, muito melhores, porque aprendem um trabalho, uma profissão. Retornam para seus familiares e recomeçam suas vidas. Nas APACs acolhemos os prisioneiros e lhes damos uma segunda chance para reconstruir suas vidas." Disse Des. Nelson Missias. 

Em agosto de 2019, Des. Nelson Missias anunciou a liberação de R$ 19.163.800,00, provenientes de penas pecuniárias, para investimentos na construção, ampliação e manutenção de APACs no Estado de MG. Estes recursos foram destinados às APACs com objetivo de adquirir maquinários para as unidades produtivas, bem como para proporcionar construção e ampliação dos Centros de Reintegração Social.

Segundo Valdeci, estes recursos estão permitindo um aprimoramento da aplicação da metodologia no regime semiaberto das APACs beneficiadas, visto que através do maquinário proveniente destes recursos, recuperandos estão sendo profissionalizados e preparados para o mercado de trabalho em várias áreas: panificação, confeitaria, marcenaria, carpintaria, confecção de blocos e afins. Além disso, este recurso permitiu um aumento de vagas nas APACs já existentes e a inauguração de novas unidades.

Em agosto de 2019, Des. Nelson Missias anunciou a liberção de R$ 19.163.800,00, provenientes de penas pecuniárias, para investimentos na construção, ampliação e manutenção de APACs no Estado de MG. Estes recursos foram destinados às APACs com objetivo de adquirir maquinários para as unidades produtivas, bem como para proporcionar construção e ampliação dos Centros de Reintegração Social.

Segundo Valdeci, estes recursos estão permitindo um aprimoramento da aplicação da metodologia no regime semiaberto das APACs beneficiadas, visto que através do maquinário proveniente destes recursos, recuperandos estão sendo profissionalizados e preparados para o mercado de trabalho em várias áreas: panificação, confeitaria, marcenaria, carpintaria, confecção de blocos e afins. Além disso, este recurso permitiu um aumento de vagas nas APACs já existentes e a inauguração de novas unidades.

Parceiros

  • assmg.jpg
  • avsi.jpg
  • avsibrasil.jpg
  • governoMA.jpg
  • isvor.png
  • logogoverno.png
  • melt.jpg
  • MinaspelaPaz.jpg
  • mpmg.jpg
  • Novos rumos.jpg
  • seapmg.jpg
  • senac.jpg
  • sociedadebiblicadobrasil.JPG
  • tioflavio.jpg
  • tjma.jpg
  • tjmg.png
  • UE.jpg