Homenagem à Dona Délcia

Hoje, 31 de outubro, pela manhã, após um acidente, morreu nossa amada Délcia Barnabé de Paula. Vicentina de coração, voltava de seu empenho no Lar Maria Clara, em Contagem. Voluntária da pastoral carcerária e de todas as APAC`s do Brasil. Foi com justiça, honrada pela ordem do mérito penitenciário no VIII Congresso Nacional das APAC's, em São João del Rei/MG.

Estimada amiga e companheira de ideal em Cristo, você nunca desanimou frente aos desafios, principalmente aos desafios da libertação dos encarcerados. Neste fim de semana você esteve com nossa equipe da FBAC em Santa Luzia, naquela que seria sua última Jornada de Libertação com Cristo.

Sua Jornada agora continua, nos braços do Pai. O eterno, que sempre serviu-se dos teus olhos, do teu sorriso, dos teus pés cansados e da ternura do teu abraço, para dizer a Todos os presos, que Ele não desistiu deles. O céu está rico, e nós um pouco mais pobres.

Cada preso das prisões mineiras, cada recuperando das APAC's, que recebeu sua visita, poderá afirmar com certeza: "Deus um dia esteve aqui comigo nesta cela, nesta prisão, por que Deus também é Mãe".

O "D" da Dignidade, o "D", da doação, o "D", do dom de toda uma vida em prol do próximo, o "D" de Deus, é o mesmo "D" de Délcia, ou melhor de Dona Délcia. 

Temos recursos, carro, hospedagem, e as vezes é tão difícil chegar as APAC`s. Dona Délcia sempre andou de ônibus. Em Santa LUZIA quantas vezes fez aquele trajeto de 6 km a pé na ida e na volta para a APAC. Sempre com uma sombrinha para proteger a pele do rosto, mas nunca desistiu. Quantas cestas básicas organizou para ajudar APACs em necessidade, sem medir esforços, sem se queixar. Ficamos até mesmo envergonhados das desculpas que as vezes damos para não realizar nossa missão junto aos presos. Não é preciso muito, é preciso ser todo. Estar inteiro, mesmo que seja por algum tempo.

Que ao depositamos seu corpo no no solo, sirva de semente para que brotem muitos voluntários por todos os cantos do mundo, que seu testemunho dê frutos de amor aos encarcerados em cada recanto deste planeta. Onde houver um preso, que possa haver várias testemunhas do amor de Deus como foi Dona Délcia.

Siga sua Jornada para os braços do Pai, em paz. Que Deus conforte seus familiares e os proteja sempre. Nós da FBAC, das APACs, da Pastoral Carcerária e todos que acreditam e trabalham para a recuperação do ser humano sempre lembraremos da senhora com saudades, e com a certeza de que estamos no caminho certo. Fique tranquila. Continuaremos nessa missão sem desanimar. Estamos juntos!

Dona Délcia é honrada pela ordem do mérito penitenciário

no VIII Congresso Nacional das APAC's,

em São João del Rei/MG, e cumprimentada pelos recuperandos.

Parceiros

  • assmg.jpg
  • avsi.jpg
  • avsibrasil.jpg
  • FIAT.jpg
  • governoMA.jpg
  • governomg.jpg
  • melt.jpg
  • MinaspelaPaz.jpg
  • mpmg.jpg
  • Novos rumos.jpg
  • projetec.jpg
  • senac.jpg
  • sociedadebiblicadobrasil.JPG
  • tioflavio.jpg
  • tjma.jpg
  • UE.jpg