Parceria fortalece APACs

A partir de agora, as Apacs de Itaúna, São João del-Rei, Pouso Alegre e Nova Lima poderão ter até 90% da energia consumida gerada pelo sistema de energia solar, o que representa uma economia estimada de até 75%. O presidente da Cemig anunciou que o objetivo do Governo de Minas é implantar as usinas em todas as 35 Apacs restantes.

A iniciativa nasceu de uma parceria entre o Tribunal mineiro, a Companhia de Energia de Minas Gerais (Cemig), a Federação das Indústrias de Minas Gerais (Fiemg), e a Fraternidade Brasileira de Assistência aos Condenados (FBAC), e prevê investimento de R$ 7 milhões na instalação destas quatro unidades. O TJMG também apresentou uma contrapartida de R$ 19 milhões, referentes a verbas pecuniárias.

“É uma grande honra estar aqui hoje, ao lado de importantes parceiros, para celebrar uma iniciativa inovadora, na qual se entrelaçam dois grandes pilares: a sustentabilidade e a ressocialização”, afirmou o presidente Gilson Lemes em seu discurso durante a cerimônia de inauguração. O presidente lembrou também que além da economia de energia, a iniciativa prevê o treinamento de 920 recuperandos pelo Sistema Fiemg para atuarem como técnicos na montagem das usinas.

Agradecimentos

O presidente do TJMG, desembargador Gilson Lemes, disse ser um entusiasta do sistema Apac, assim como seu antecessor o desembargador Nelson Missias de Morais, que deu início à instalação das usinas, em novembro passado. “Levo meu agradecimento também a dois magistrados entusiastas da metodologia apaquiana, e que se envolveram diretamente nas articulações que culminaram com esta parceria: o desembargador Armando dos Anjos e o juiz Luiz Carlos Resende, respectivamente, coordenador-geral e coordenador executivo do Programa Novos Rumos”, destacou.

O governador de Minas, Romeu Zema, em seu discurso, também destacou a importância das parcerias para a melhoria da qualidade de vida no Estado. Zema disse que é uma satisfação enorme assistir o avanço na expansão e melhoria da assistência às Apacs. “Este é um sistema de cumprimento de pena no qual acredito e que Minas faz melhor do que qualquer Estado deste país”, ressaltou o governador.

O governador de Minas, Romeu Zema, em seu discurso, também destacou a importância das parcerias para a melhoria da qualidade de vida no estado. Zema disse que é uma satisfação enorme assistir à expansão das Apacs e à melhoria da assistência à associação. “Este é um sistema de cumprimento de pena no qual acredito e que Minas faz melhor do que qualquer estado deste País”, ressaltou o governador.

Romeu Zema agradeceu a parceria com o TJMG e atribuiu a isso o registro em Minas da menor taxa de crime violentos em todos os tempos, neste ano de 2020, uma tendência de queda já registrada também em 2019. ”Não é só com recursos que se faz uma boa gestão. É preciso ter criatividade, trabalho em equipe e eficiência para avançar”, ressaltou.

Por sua vez, o presidente da Cemig, Reynaldo Passanezi Filho, disse que ajudar na recuperação dos condenados por meio das Apacs, é compromisso social da empresa e do Governo de Minas, que tem elas como “as meninas dos olhos de Minas”. Passanezi Filho garantiu que todas as 39 unidades em Minas serão beneficiadas pelo Programa Eficiência Energética.

Além do presidente, participaram do evento, realizado da sede do TJMG, à Avenida Afonso Pena 4001, o 1º vice-presidente, desembargador José Flávio de Almeida; o 2º vice-presidente, Tiago Pinto; o 3º vice-presidente, Newton Teixeira Carvalho; o corregedor-geral de Justiça, Agostinho Gomes de Azevedo; o coordenador-geral do Programa Novos Rumos para assuntos da Apac, desembargador Antônio Armando dos Anjos; o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, general Mário Araújo; o diretor executivo da Fraternidade Brasileira de Assistência aos Condenados, (Fbac), Valdeci Antônio Ferreira, o diretor-coordenador do Instituto Minas pela Paz, Rafael Rocha Lafetá, que compuseram a mesa.

O desembargador Antônio Armando dos Anjos também comemorou a importância da parceria para o incremento das Apacs no estado, que ganharam 1,5 mil vagas desde 2019. “Os mineiros são um exemplo para o Brasil”, afirmou.

O diretor executivo da Fbac, Valdeci Ferreira destacou que esse modelo de cumprimento de pena em Minas é sucesso em razão do apoio dos diversos parceiros. “Não se faz nada, não se constrói nada de forma isolada. O trabalho tem que ser em rede”, concluiu.

Também marcaram presença na solenidade o secretário de Governo de Minas, Igor Eto; a coordenadora-geral do programa Novos Rumos para assuntos do PAI-PJ, desembargadora Márcia Milanez; o coordenador do programa Novos Rumos para assuntos da Apac, juiz Luiz Carlos Rezende e Santos; o coordenador do programa Novos Rumos para assuntos do PAI-PJ, Luiz Fernando Nigro; a coordenadora-geral do programa Novos Rumos para assuntos do GMF, desembargador Júlio Gutierrez; o coordenador do programa Novos Rumos para assuntos do GMF, juiz Evaldo Elias Penna Gavazza; o presidente do Sistema Fiemg, Flávio Roscoe Nogueira.

Fonte: TJMG

Campanha arrecada mais de dois mil itens de higiene para recuperandas

“Eu nunca tive medo de errar com ninguém. Hoje tenho receio de decepcionar as pessoas que me apoiam e confiam em mim, que acreditam que sou capaz de ser uma pessoa melhor, pronta para retornar à convivência em sociedade.”

A afirmação é da recuperanda Andrea Ramos, que cumpre pena na unidade de Belo Horizonte da Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (Apac). Nesta quarta-feira (21/10) foram entregues 77 kits com itens de higiene pessoal para as recuperandas da Apac da capital mineira, arrecadados durante a campanha promovida pelo Núcleo de Voluntariado do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG).

Realizada em parceria com o Núcleo de Assistência Servidor Solidário (Naas) e a Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar (Comsiv), a iniciativa foi um sucesso: 2,4 mil itens arrecadados nas unidades do TJMG em Belo Horizonte. Entre os produtos doados estão xampus, condicionadores, absorventes, hidratantes, desodorantes, sabonetes e escovas de dente.

A recuperanda Andrea Ramos disse que esse tipo de doação significa muito. “Eu estava no sistema prisional comum, onde era tratada como bicho, não tinha compreensão, entendimento... Sentimentos que encontramos aqui com as pessoas que trabalham na Apac. Para nós, esses kits significam dignidade, respeito.”

As doações foram entregues pela desembargadora Maria Luiza de Marilac, presidente do Núcleo de Voluntariado do TJMG, que ressaltou o valor da campanha. “A solidariedade é legítima, sem qualquer tipo de discriminação. Importante tarefa é o exercício efetivo do amor ao próximo”, destacou a desembargadora.

Segundo a magistrada, a iniciativa da campanha surgiu quando foi constatado que as mulheres que cumprem pena na Apac da capital não tinham acesso, em quantidades adequadas, aos itens básicos de higiene e saúde. “Com a pandemia de covid-19, esse quadro se agravou, já que, na maioria das vezes, eram os familiares das recuperandas que disponibilizavam tais produtos ao visitá-las”, ressaltou a desembargadora.

Após a entrega das doações, as recuperandas fizeram uma oração conjunta em agradecimento. Citando uma frase do papa Francisco, “O que se compartilha se multiplica”, Maria Luiza de Marilac agradeceu às pessoas que colaboraram com a campanha.

Interior

O encarregado administrativo da Apac de BH, Ernandes Silva, afirmou que as 80 recuperandas que cumprem pena na unidade receberam os kits. “A doação veio em boa hora, pois muitas mulheres não têm família ou contato com algum parente. Essas doações no universo prisional são essenciais, já que não há o custeio do Estado para itens básicos de higiene, sendo fundamental a continuidade dessas doações para suprir as necessidades diárias e constantes das recupeandas”, destacou Ernandes Silva.

Veja artigo completo TJMG

APAC de Manhumirim recebe primeiros recuperandos

No dia 13 de outubro, a APAC de Manhumirim recebeu os primeiros recuperandos. Firmado convênio de custeio com o Estado de Minas Gerais, a APAC inicia suas atividades.

Para que a entidade obtenha sucesso, dois recuperandos da APAC de Manhuaçu, que já cumprem pena na APAC há algum tempo, irão permanecer alguns meses na APAC de Manhumirim, a fim de contribuir com o início das atividades. Além disso, um recuperando de Manhumirim havia sido enviado à APAC de Manhuaçu para adquirir conhecimento. Retornando com os dois de Manhuaçu, os três irão compor o primeiro Centro de Reintegração Social e realizar a Escolinha do Método APAC para os recuperandos de Manhumirim, contribuindo para que estes novos recuperandos compreendam a proposta de recuperação da APAC, seus regulamentos e sua metodologia.

Para contribuir com a APAC de Manhumirim, a FBAC enviou seu colaborador, Matheus Cunha, inspetor de metodologia, para contribuir no início das atividades, acolhendo os recuperandos e orientando os funcionários. "Foi uma experiência única na vida de Manhumirim. Para mim foi estupendo, poder contribuir para o início de uma APAC. Estou feliz e mais motivado com a missão das APACs."

DEPEN E DEPEN-MG na APAC de SJDR para acompanhar aquisição de equipamentos de saúde

Na quarta-feira (07), recebemos servidores do Departamento Penitenciário Nacional e de Minas Gerais (DEPEN/DEPEN-MG). Os funcionários estiveram na unidade são-joanense da APAC com o objetivo de acompanhar o investimento feito pelo Governo Federal de R$100 mil reais - destinado para aquisição de equipamentos para a clínica odontológica e clínica médica. O recurso é resultado da emenda parlamentar do deputado federal Eros Biondini (PROS), que destinou 500 mil reais as APAC's.

Agradecemos ao parlamentar, pelo bom trabalho e o acesso. Também agradecemos a Diogo Araújo, Adilson Silva e Igor Santana, do DEPEN, e Iatuana Barbosa e Eduardo da Silva agentes do estado de Minas Gerais, pelo acompanhamento e dedicação.

Sobre o investimento, Diogo Araújo, agente do DEPEN, informa "estivemos pela primeira vez na APAC de São João del-Rei e a experiência foi ótima. Fomos muito bem recepcionados, visitamos as áreas de trabalho e também o espaço de saúde referente ao termo de fomento. Além disso nos explicaram sobre o método das apacs".

Diogo ressalta a importância do nosso método de recuperação "acredito que a APAC nos mostra uma nova maneira de tratar o indivíduo apenado, que por meio da relação de confiança e trabalho consegue ter sua reinserção na sociedade".

O investimento é um importante acréscimo no tratamento dos recuperandos. Saúde é dignidade.

Agradecemos também a FBAC - Fraternidade Brasileira de Assistência aos Condenados, a Comarca de São João del-Rei e ao Governo Federal. Estamos juntos!

Notíca enviada pela APAC masculina de São João del Rei

CRS da APAC de Itabira é inaugurado

O Centro de Reintegração Social (CRS), da APAC de Itabira, foi inaugurado no dia 16 de outrubro. A FBAC foi representada pela sua Gerente Judídica e de Parceiras, Dra. Tatiana Flávia Faria de Souza. A obra foi executada com recursos provindos de prestações pecuniárias cedidas pelo TJMG, multas trabalhistas, doações da empresa Vale e doações da sociedade civil. 

"Cumprimento a todos, especialmente aos voluntários da APAC de Itabira, essa gente abenagada, disponível, que entrega sua vida a este projeto das APACs,  com dedicação e empenho. Em nome da FBAC, agradecemos imensamente ao Tribunal de Justiça e a SEJUSP, ao Instituto Minas pela Paz, à Fundação AVSI e todos nossos parceiros, que estão nos permitindo crescer, em um momento em que o mundo está retraindo por causa da pandemia. Equipe de Itabira, nossos desafios irão aumentar. Estamos instalando a APAC na Comarca. Temos que nos dedicar com  muita ética, transparência e gestão profissional para alcançar os resultados que a comunidade de Itabira espera de nós. Temos a convicção que Deus estará conosco. A FBAC estará com vocês para caminhar sempre juntos. Muito obrigado a todos!"

Estiveram presente na inauguração, o presidente do Tribunal de Justiça, Desembargador Gilson Lemes, o secretário de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais, general Mário Lúcio Alves de Araújo; o 2º vice presidente do TJMG, desembargador Tiago Pinto; os desembargadores Armando dos Anjos, coordenador geral do Programa Novos Rumos, e Ana Paula Caixeta; a juíza da 2ª Vara Criminal de Itabira, Cibele Mourão Barroso de Figueiredo Oliveira; a diretora da Comarca de Itabira, juíza Márcia de Souza Victória; o presidente do Tribunal de Contas de Minas Gerais, Mauri Torres; o presidente da Apac itabirana, Pastor Renato Martins da Rocha. 

Clique aqui para  assistir a cerimônia.

 

 

Other news

An angel interceding for us

23-02-2016

Valdeci I remember kindly our dear Glory. His unconditional love and his passion for the...

Read more

Outpatient care implementation in APAC of Caratinga

12-01-2016

Dr. Igor de Oliveira, respected doctor in our city of Caratinga for his humanitarian attitudes...

Read more

FBAC realises on-line meeting with Presidents of APACs

01-09-2015

It was realised in the night of this Monday (31/08/2015) the first meeting online between...

Read more

Partners

  • assmg.jpg
  • avsi.jpg
  • avsibrasil.jpg
  • governoMA.jpg
  • isvor.jpg
  • logogoverno.png
  • melt.jpg
  • MinaspelaPaz.jpg
  • mpmg.jpg
  • Novos rumos.jpg
  • seapmg.jpg
  • senac.jpg
  • sociedadebiblicadobrasil.JPG
  • tioflavio.jpg
  • tjma.jpg
  • tjmg.png
  • UE.jpg